Enorme Lucho Gonzales

Grande, grande, grande, grande, grande Lucho Gonzales.

Não pelo golo que marcou hoje, em Zagreb, que abriu as contas da vitória final de 0-2 sobre o Dínamo local. Isso são peanuts.

imagem uefa.com
Apenas e só porque, mesmo após saber do falecimento de seu pai, mesmo depois de toda a estrutura da SAD azul-e-branca o colocarem à vontade para qualquer decisão que quisesse tomar, decidiu ir a jogo e ajudar a equipa num momento particularmente difícil para si e para os seus ente queridos.

Um verdadeiro Homem.

PS: Nunca a braçadeira de capitão do meu clube esteve tão bem entregue…

Está a fazer agora 5 anos que falei de Lucho pela primeira vez aqui.