MEO – 4 anos depois

Foi a 31 de janeiro de 2008 que tive MEO em casa pela primeira vez.
No primeiro mês, ainda desconfiado, mantive a assinatura NetCabo – hoje Zon – e MEO em simultâneo, mas nunca mais olhei para trás.

Quatro anos se passaram e muita coisa mudou entretanto:

  • Ainda sou do tempo (sempre quis dizer isto) em que se escolhiam 10 canais de toda a oferta de canais. Poucos meses depois alteraram a política para escolher 2 packs temáticos em vez de 10 canais.
  • Em outubro de 2009, passei a Meo Fibra. Um serviço fantástico que recomendo vivamente a quem tiver disponível.
  • Em novembro de 2010, cancelei o serviço de fibra, porque mudamos de casa e, mal habitados estávamos, que passei de 85Mb/s para 6Mb/s. Passei de um serviço de televisão de excelência para um serviço satélite. Passei a pagar quase 80€/mês quando antes pagava cerca de 60€.
  • Em janeiro de 2012, chegou finalmente o serviço ADSL à nova residência. Passei o satélite + telefone (com assinatura) + sapo adsl – tudo junto com um total de cerca de 80€/mês – para o serviço Total 15, não pagando mais de 50€/mês, já com o aluguer da box.

O serviço entretanto evoluiu muito desde novembro de 2010.

Para já, continuo satisfeito com o serviço.

Podia ser mais barato quando comparado com outras ofertas equivalentes em outros mercados mas é o que se arranja.