Análise ao meu Meo

meoComo todos sabem, desde quinta-feira que tenho o serviço MEO instalado em casa.

A decisão de mudar deveu-se ao facto de no passado dia 19 de Janeiro após mais uma falha no serviço da NetCabo me dizerem que demoravam quase 24h a repor o serviço. Foi a gota d’água…

No total, entre fazer a compra via Internet, na loja virtual da PT Comunicações, e instalarem o serviço em casa não se passaram mais do que 15 dias ou se quisermos ser rigorosos 9 dias úteis.

Depois de alguns dias a amadurecer e a perceber todo o sistema é chegado o momento de fazer um pequeno balanço e dar a minha opinião sobre o serviço:

Vantagens:

  • Live TV;
  • MeoBox com gravador digital o que nos permite usar o serviço como um avançado vídeo-gravador. O disco tem capacidade para gravar entre 60h a 80h;
  • Serviço telefónico com chamadas ilimitadas para a rede PTC (e não rede fixa como já vi escrito algures – parece que não mas faz alguma diferença);
  • Guia TV do mais avançado que já vi;
  • Canal em HD, embora inútil ao nível do conteúdo é de uma qualidade impressionante;
  • Flexibilidade na escolha de canais. 30 são base, mas podemos escolher mais 10 gratuitamente e ainda pagar 0.49€ por cada canal extra;
  • Programação da gravação de séries, filmes ou telenovelas, é feita com 3 cliques. Visualizar estas gravações são 2 cliques;
  • Sistema de vídeo-clube muito bom. Incluí 2 filmes gratuitos (por mês?) e o Hugo já viu o “O Pequeno Hipo” onde pude constatar a qualidade e rapidez do serviço. Mais de 800 títulos disponíveis com preços entre os 0.50€ e os 3€;
  • A mudança de canais faz-se a uma velocidade que não estava à espera num sistema destes. Eles dizem que é cerca de 0,2 segundos. Eu não medi, mas acredito que seja;
  • Possibilidade de subscrever e cancelar canais premium com um clique no comando remoto, ficando apenas obrigados a permanecer com o canal premium pelo período de 30 dias.

Desvantagens:

  • Só permite ter até 2 canais distintos activos. No entanto, como constatei há segundos, consigo gravar dois canais em simultâneo desde que a MeoBox esteja sintonizado num deles;
  • Não consigo aceder aos conteúdos gravados e armazenados em disco na MeoBox. Seria uma mais valia gigante permitir gravar o conteúdo do disco para DVD, via PC;
  • Não consigo aceder aos conteúdos gravados a partir da outra MeoBox o que limita a possibilidade de visualização do que gravado à MeoBox com disco;
  • Ainda não percebi como crio os meus endereços de email no site do Meo;
  • Seria fantástico permitir, tal como no TIVO, programar as gravações via interface Web em qualquer ponto do mundo;
  • Quando falha a luz (o que em minha casa acontece bastante no tempo frio) o sistema demora por vezes uns bons 5 minutos a devolver a imagem da televisão;

Outras características:

  • PiP no sistema não é grande coisa. É bonitinho e tal, mas desaparece ao fim de 15 segundos;
  • As MeoBox’s têm entrada USB, mas que não é usada. Já li algures que permitem o carregamento dos telemóveis;
  • A subscrição da SportTV é mais barata que na TV Cabo (21.5€ vs. 22.3€);
  • Internet sem limites de tráfego;

De resto, o sistema tem estado à altura daquilo que esperava. Tem uma potencialidade de expansão enorme, mesmo sabendo que o software instalado é Microsoft. Só depende da PT Comunicações não dormir sobre os resultado já alcançados.

2 Comment

  1. […] meses passaram e depois da minha primeira análise, chegou o momento de fazer novo […]

  2. […] ainda desconfiado, mantive a assinatura NetCabo – hoje Zon – e MEO em simultâneo, mas nunca mais olhei para […]

Comentários fechados.